Home / Comunidades Emigrantes / Três suspeitos do assassínio de cidadã portuguesa ficam em prisão preventiva

Três suspeitos do assassínio de cidadã portuguesa ficam em prisão preventiva

Segundo o jornal moçambicano Notícias, os suspeitos da morte de uma cidadã portuguesa na cidade da Beira têm entre 21 e 24 anos de idade.

As autoridades judiciais da província de Sofala, centro de Moçambique, decretaram a prisão preventiva de três homens suspeitos do assassínio de uma cidadã portuguesa na cidade da Beira, na semana passada, noticia hoje o Notícias, principal diário moçambicano.

Segundo o Notícias, os suspeitos têm entre 21 e 24 anos de idade e vão ficar a aguardar o decurso do processo em prisão preventiva, depois de terem sido presentes a um juiz.

A vítima era funcionária de uma sucursal de uma empresa portuguesa na Beira, capital da província de Sofala, e foi encontrada sem vida no rio Pungoé, no dia 30, depois de ter sido sequestrada.

Menos de 24 horas após o homicídio na Beira, uma outra cidadã portuguesa, com cerca de 70 anos, foi assassinada na cidade de Chimoio, província de Manica, centro de Moçambique, na sequência de um assalto à sua residência, disse à agência Lusa o secretário de Estado das Comunidades.

No âmbito deste caso, as autoridades moçambicanas detiveram dois suspeitos por assalto e por posterior assassínio.

...